O que você crê determina o curso de sua vida

No conceito popular nós, os discípulos de Jesus, somos conhecidos como “crentes”. Mas se entendermos o real sentido da palavra de que crente é aquela pessoa que crê, precisamos nos perguntar: no que creio eu? ou, qual é a base de nossa fé??

A pouco dias ouvi de um pregador o seguinte:
De onde vem nossas ações? nossas ações vem de nossos sentimentos…
De onde vem nossos sentimentos? nossos sentimentos vem de nossas atitudes…
mas, e de onde vem nossas atitudes?
Bem, nossas atitudes vem de nossos valores…
sendo assim, de onde vem nossos valores?
Nossos valores vem de nossas crenças!!

Portanto, é importante confessarmos aquilo em que cremos:
“Porque, se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo; pois é com o coração que se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.” (Rm. 10:9,10)

Preciso confessar com minha boca aquilo que creio, pois o que creio libera o poder de Deus sobre minha vida!
Quando declaramos aquilo que lemos, o impacto da palavra de Deus sobre nossas vidas é muito maior do que quando apenas lemos.
Por exemplo, ao ler o capítulo 14 de João vs. 6, podemos fazer a seguinte proclamação: “Eu Creio Senhor Jesus que Tu és o caminho, a verdade e a vida! Creio que ninguém encontra o Pai senão através de Ti!”

Uma proclamação simples como essa, é capaz de de iniciar um processo que culminará com a demolição das fortalezas contra Deus, que foram construídas em nossa mente, desde nossa infância.

Que Deus nos ajude a sermos pessoas que creem e praticam Sua Palavra!

P1140011

Publicado em Escrituras Sagradas, Torah

O SHEMÁ – Confissão Central da Fé de Israel

“OUVE, ISRAEL, O SENHOR, NOSSO DEUS É O ÚNICO SENHOR.”  (Dt. 6:4)

Este é um dos textos do Tanach (AT) mais importantes nos ensinos de Jesus.

Fontes antigas sugerem que Deuteronômio 6:4 tenha sido a primeira porção da Bíblia hebraica que Jesus memorizou.  De acordo com o Talmud, garotos judeus eram ensinados essa escritura assim que conseguiam falar.

Este texto da lei mosaica contém apenas seis palavras hebraicas:

Shema Yisrael

É importante notarmos que o Shemá está no quinto livro do Pentateuco, que nos dias de Jesus era o livro mais circulado e lido. Mas como podemos afirmar isso?

Estudiosos apresentam duas razões principais:

(1) O Novo Testamento tem mais citações do livro de Deuteronômio que qualquer outro livro de Moisés.

(2) Dentre os pergaminhos do Mar Morto (Qumran) foram encontrados mais pergaminhos de Deuteronômio que qualquer outro livro Mosaico.

Mas a importância de Deuteronômio não está limitada à infância de Jesus. Já adulto, no início de seu ministério, Jesus cita três vezes versos desse livro em resposta as três tentações de Satanás (Mateus 4:1-11).

Hoje Deuteronômio 6:4 é mencionado como “Shemá” que significa literalmente “Ouve!”, baseado no verbo imperativo no início do verso.

O Shemá é conhecido como o lema da fé de Israel porque declara a singularidade e unicidade de Deus.

O Shemá não é uma oração mas uma confissão de fé ou um credo pra ser recitado.

Quando perguntado sobre o”mandamento mais importante”, Jesus não contradisse o tema central do judaísmo (ver Mc. 12:28-34; Mt. 22:34-40). Com 613  estatutos da Torá pra escolher, Jesus citou o Shemá, incluindo o mandamento de amar a Deus; mas Ele também estendeu a definição do “primeiro” e “maior” mandamento incluindo amor ao próximo (Lv. 19:18).

“Ao ouvirem dizer que Jesus havia deixado os saduceus sem resposta, os fariseus se reuniram. 35 Um deles, perito na lei, o pôs à prova com esta pergunta: 36 “Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?”

37 Respondeu Jesus: “‘Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento’. 38 Este é o primeiro e maior mandamento. 39 E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’. 40 Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas”.  (Mateus 22:34-40)


Nota: com informações do Livro “Nosso pai Abraão, do autor Marvin Wilson.

ROMANOS 1:16,17 em 7 Linguas

Romanos 1,16

 

“For I am not ashamed of the gospel of Christ, for it is the power of God to salvation for everyone who believes, for the Jew first and also for the Greek. 17 For in it the righteousness of God is revealed from faith to faith; as it is written, “The just shall live by faith.”

+++++++

“Porque não me envergonho do evangelho, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.  Porque no evangelho é revelada, de fé em fé, a justiça de Deus, como está escrito: Mas o justo viverá da fé. “

+++++++

“Denn ich schäme mich des Evangeliums von Christo nicht; denn es ist eine Kraft Gottes, die da selig macht alle, die daran glauben, die Juden vornehmlich und auch die Griechen. 17 Sintemal darin offenbart wird die Gerechtigkeit, die vor Gott gilt, welche kommt aus Glauben in Glauben; wie denn geschrieben steht: “Der Gerechte wird seines Glaubens leben.”

+++++++

“A la verdad, no me avergüenzo del evangelio, pues es poder de Dios para la salvación de todos los que creen: de los judíos primeramente, pero también de los gentiles. 17 De hecho, en el evangelio se revela la justicia que proviene de Dios, la cual es por fe de principio a fin,tal como está escrito: «El justo vivirá por la fe.”

+++++++

“Car je n’ai point honte de l’Evangile: c’est la puissance de Dieu pour le salut de quiconque croit, du Juif premièrement, puis du Grec, 17 parce qu’en lui est révélée la justice de Dieu par la foi et pour la foi; selon qu’il est écrit: Le juste vivra par la foi.”

+++++++

Οὐ γὰρ ἐπαισχύνομαι τὸ εὐαγγέλιον, δύναμις γὰρ θεοῦ ἐστιν εἰς σωτηρίαν παντὶ τῷ πιστεύοντι, Ἰουδαίῳ τε πρῶτον καὶ Ἕλληνι· 17 δικαιοσύνη γὰρ θεοῦ ἐν αὐτῷ ἀποκαλύπτεται ἐκ πίστεως εἰς πίστιν, καθὼς γέγραπται· Ὁ δὲ δίκαιος ἐκ πίστεως ζήσεται.

+++++++

 فَأنا لا أخجَلُ مِنَ البِشارَةِ بِالمَسيحِ، فَهِيَ قُوَّةُ اللهِ لِخَلاصِ كُلِّ مَنْ يُؤمِنُ. أوَّلاً لِليَهُودِ، وَالآنَ لِغَيرِ اليَهُودِ أيضاً.    فَفِي البِشارَةِ، يُعلَنُ أنَّ اللهَ يُبَرِّرُ بِالإيمانِ مِنَ البِدايَةِ إلَى النِّهايَةِ. فَكَما يَقُولُ الكِتابُ:«البارُّ بِالإيمانِ يَحيا.»

 

Publicado em Escrituras Sagradas, Vida Cristã

O que eu creio determina o curso de minha vida

No conceito popular nós, os discípulos de Jesus, somos conhecidos como “crentes”.  Mas se entendermos o real sentido da palavra de que crente é aquela pessoa que crê, precisamos nos perguntar: no que creio eu?  ou, qual é a base de nossa  fé??

A pouco dias ouvi de um pregador o seguinte:
De onde vem nossas ações? nossas ações vem de nossos sentimentos…
De onde vem nossos sentimentos?  nossos sentimentos vem de nossas atitudes…
mas,  e de onde vem nossas atitudes?
Bem, nossas atitudes vem de nossos valores…
sendo assim, de onde vem nossos valores?
Nossos valores vem de nossas crenças!!

Portanto, é importante confessarmos aquilo em que cremos:
“Porque, se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo; pois é com o coração que se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.” (Rm. 10:9,10)

Preciso confessar com minha boca aquilo que creio, pois o que creio libera o poder de Deus sobre minha vida!
Quando declaramos aquilo que lemos, o impacto da palavra de Deus sobre nossas vidas é muito maior do que quando apenas lemos.
Por exemplo, ao ler o capítulo 14 de João vs. 6, podemos fazer a seguinte proclamação: “Eu Creio Senhor Jesus que Tu és o caminho, a verdade e a vida! Creio que ninguém encontra o Pai senão através de Ti!”

Uma proclamação simples como essa, é capaz de de iniciar um processo que culminará com a demolição das fortalezas contra Deus, que foram construídas em nossa mente, desde nossa infância.

Que Deus nos ajude a sermos pessoas que creem e praticam Sua Palavra!

P1140011

Publicado em História da Igreja

Credo Apostólico (Creio em Deus Pai…)

Túmulo Vazio

Porque, se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. (Romanos 10:9)

Creio em Deus Pai, Todo-poderoso, Criador do Céu e da terra.

Creio em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, o qual foi concebido por obra do Espírito Santo; nasceu da virgem Maria; padeceu sob o poder de Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado; ressurgiu dos mortos ao terceiro dia; subiu ao Céu; está sentado à direita de Deus Pai Todo-poderoso, donde há de vir para julgar os vivos e os mortos.

Creio no Espírito Santo; na Santa Igreja Crista; na comunhão dos santos; na remissão dos pecados; na ressurreição do corpo; na vida eterna. Amém.

Original em grego:
Πιστεύω είς ενα Θεόν, Πατέρα, παντοκράτορα, ποιητήν ουρανού καί γής, ορατών τε πάντων καί αοράτων. Καί είς ενα Κύριον, Ίησούν Χριστόν, τόν Υιόν του Θεού τόν μονογενή, τόν εκ του Πατρός γεννηθέντα πρό πάντων τών αιώνων. Φώς εκ φωτός, Θεόν αληθινόν εκ Θεού αληθινού γεννηθέντα, ού ποιηθέντα, ομοούσιον τώ Πατρί, ού δι ‘τά πάντα εγένετο. Ημάς τούς ανθρώπους καί διά τήν ημετέραν σωτηρίαν κατελθόντα εκ τών ουρανών καί σαρκωθέντα εκ Πνεύματος ‘Αγίου Τόν δι’ καί Μαρίας τής Παρθένου καί ενανθρωπήσαντα. Επί Ποντίου Πιλάτου καί παθόντα καί Σταυρωθέντα τε υπέρ ημών ταφέντα. Καί αναστάντα τή τρίτη ημέρα κατά τάς Γραφάς. Καί ανελθόντα είς τούς ουρανούς καί καθεζόμενον εκ δεξιών τού Πατρός. Καί πάλιν ερχόμενον μετά δόξης κρίναι ζώντας καί νεκρούς, ού τής βασιλείας ουκ εσται τέλος. Καί είς τό Πνεύμα τό ¨ Αγιον, τό Κύριον, τό ζωοποιόν, τό εκ τού Πατρός εκπορευόμενον, τό σύν Πατρί καί Υιώ συμπροσκυνούμενον καί συνδοξαζόμενον, τό λαλήσαν διά τών Προφητών. Είς μίαν, αγίαν, καθολικήν καί αποστολικήν Έκκλησίαν. ‘Ομολογώ εν βάπτισμα είς άφεσιν αμαρτιών. Προσδοκώ ανάστασιν νεκρών. Καί ζωήν τού μέλλοντος αιώνος. Άμήν