Comida pronta no Domingo, demonstração da bondade de Deus :-)

Parece uma coisa simples, mas receber uma comida gostosa prontinha é muito bom, não é mesmo? Pois é, isso aconteceu conosco 🙂
Ontem recebemos uma visita que nos trouxe comida pronta, suficiente pra eu não ter que cozinhar hoje, no domingo! Tanto eu como o Martin ficamos contentes, porque eu não teria que gastar tempo cozinhando. Hoje pudemos almoçar mais cedo e depois fazer uma boa caminhada. Deus é muito bom!

Ser grato a Deus pelas coisas mais simples que nos acontecem torna nossa vida mais significante e prazerosa!

De acordo com a FAO (Organização para Alimentação e agricultura), a fome é a realidade na vida de 805 milhões de pessoas no mundo, que devido a falta de alimentos estão em situação de desnutrição.

Além de ser agradecidos por termos o suficiente é bom orarmos por aqueles que não tem o que comer, para que a misericórdia de Deus os alcance.

Que nunca falte o alimento em sua mesa e um coração cheio de gratidão a Deus.

Fazes o pasto crescer para os animais,

e as plantas, para as pessoas cultivarem.

Permites que, da terra, colham seu alimento:

(Salmo 104:14 NVT)

Compartilhando os prazeres de Deus

Como é precioso o teu amor, ó Deus!
Os homens encontram
    refúgio à sombra das tuas asas.
 Eles se banqueteiam na fartura da tua casa;
tu lhes dás de beber do teu rio de delícias.                                                          (Salmos 36:7,8)

Essa, para mim, é a mais bela imagem da bondade de Deus. Antes de tudo, nos voltamos para Ele por nossa necessidade. Nós procuramos por Ele refúgio porque somos oprimidos, porque não podemos lidar com nossos problemas. Nos refugiamos na sombra de Suas asas, mas quando chegamos lá sob a sombra de Suas asas, descobrimos que Ele nos proporcionou muito mais do que mero refúgio. Ele deu um banquete. Ele forneceu abundância. Nós nos banqueteamos com a abundância de Sua casa, e não apenas isso, e Ele nos dá para beber do rio das Suas delícias. Para mim, isso é impressionante! Deus não nos dá para beber de um rio de nossas próprias delícias, mas de Suas delícias. Ele compartilha conosco as coisas que O agradam. 

Veja, há tantas coisas que normalmente temos prazer que são prejudiciais. Por exemplo, adote a prática de fumar. Muitas pessoas sentem grande prazer em fumar, mas infelizmente todos sabemos hoje que é extremamente prejudicial. É uma causa potencial de câncer. A diferença com os prazeres de Deus é que eles nunca são prejudiciais, e Deus quer compartilhar conosco Seus prazeres. Ele quer nos dar a beber do rio dos Seus prazeres, e não apenas eles são agradáveis, mas também benéficos. Eles nunca são prejudiciais.

Dá-me, filho meu, o teu coração, e os teus olhos se agradem dos meus caminhos.” (Provérbios 23:26)

O Arco-íris – um simbolo da bondade de Deus

De acordo com a Bíblia, um arco-íris não é simplesmente um belo espetáculo, mas um símbolo da “aliança eterna” que Deus fez, prometendo nunca mais inundar a Terra (Gênesis 9:16). No hebraico original da Bíblia, a palavra para “arco-íris” é keshet (קשת). Essa palavra aparece com frequência na Bíblia, mas somente aqui se refere a um arco-íris. Em todas as outras passagens, a palavra keshet refere-se ao arco de um arqueiro, a principal arma de guerra nos tempos da antiga Israel, de modo que a associação imediata ao ouvir a palavra keshet era de violência.

Depois do dilúvio, Deus surpreendentemente exibe um enorme arco no céu. Mas esse arco não contém uma flecha e está virado para cima, afastado da terra. A mensagem é clara: Deus colocou de lado a sua arma de guerra e a substituiu por um símbolo da bondade amorosa. Apenas o hebraico revela a beleza secreta desta história. 

Alguns versos Bíblicos que mencionam o arco-iris:

“Toda vez que o arco-íris estiver nas nuvens, olharei para ele e me lembrarei da aliança eterna entre Deus e todos os seres vivos de todas as espécies que vivem na terra”. (Gênesis 9:16)

Tal como a aparência do arco-íris nas nuvens de um dia chuvoso, assim era o resplendor ao seu redor. Essa era a aparência da figura da glória do Senhor. Quando a vi, prostrei-me, rosto em terra, e ouvi a voz de alguém falando. (Ezequiel 1:28)

Aquele que estava assentado era de aspecto semelhante a jaspe e sardônio. Um arco-íris, parecendo uma esmeralda, circundava o trono… (Apocalipse 4:3)

 

 

Reflexões sobre a bondade de Deus (2)

A grandeza de Deus nos faz temer, mas Sua bondade nos anima a não ter medo dEle. Ser temente e não ter medo – eis o paradoxo da fé”. (Tozer)

Cresci ouvindo o meu pai contar histórias de sua vida. Algumas vezes me imaginava sendo parte das histórias e ficava quase sem fôlego em meio aos momentos de perigo, como o que aconteceu no dia em que ele foi atacado por índios no meio da floresta amazônica.

Com meu pai, o contador de histórias!

Hoje creio que foi a bondade de Deus que guardou a vida de meu pai, que naquela época tinha apenas 16 anos. Muitos outros na mesma situação acabaram morrendo com flechas envenenadas e certeiras!

Me considero uma mulher abençoado pelo fato de ter o meu pai ainda vivo até o presente momento. Deus é bom!!

Também creio que foi a bondade de Deus que guardou-me no ventre de minha mãe…na época ela tomava o medicamento “Talidomida” o qual causou o nascimento de muitas crianças com deformações em várias partes do mundo. Alguns anos mais tarde minha mãe ficou muito enferma ao ponto de pensarmos que ela iria morrer… eu era muito pequena mas o pouco que conhecia de Deus, foi o suficiente pra eu orar clamando a Ele que desse a ela mais anos de vida… e Ele na Sua infinita bondade ouviu minha oração!

Enfim, tudo isso me leva a concluir que nossa vida é fruto da bondade de Deus. Mesmo nas situações difíceis Ele continua sendo bom e misericordioso!

Obrigada, Eterno Deus, pela Tua infinita bondade!!

Concluo com uma declaração do salmista Davi sobre a  bondade de Deus:

“Provai, e vede que o Senhor é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia.”  (Salmo 34:8)

Reflexões sobre a bondade de Deus (I)

P1060350P1060291

O tema “Bondade de Deus” tem me fascinado nos últimos dias. Creio que muitos concordam que Deus é Santo e Justo, mas será que concordam também, que o Deus verdadeiro é totalmente Bom??
Lendo um dos escritos de Tozer deparei-me com uma pérola, que compartilho abaixo com voces. O meu desejo é incluir mais algumas reflexões sobre o tema, ao longo desse mês.

****

“A bondade de Deus é o motivo de todas as bênçãos que Ele nos outorga dia a dia. Deus nos criou pela bondade do Seu coração e nos redimiu pela mesma razão.
Toda a perspectiva da humanidade mudaria se pudéssemos compreender que vivemos sob um céu amigo e que o Deus dos céus, embora exaltado em poder e majestade, anseia pela nossa amizade.” (Mais perto de Deus / A.W. Tozer)

 

(Fotos: foram feitas por mim, perto de onde moramos aqui na Markgräflerland-Alemanha)