No dia do Soldado, uma homenagem ao soldado mais nobre que conheço.

Hoje, 25 de agosto é lembrado no Brasil como o dia do Soldado.

Eu quero homenagear o soldado mais ilustre que conheço. Todos que me conhecem sabem que não sou filha de militar. Todavia, cresci ouvindo meu pai contar suas aventuras como “soldado da borracha” 🙂

Mas afinal, o que é um soldado da borracha?

De acordo com a Wikipédia “Soldados da Borracha foi o nome dados aos brasileiros que entre 1943 e 1945 foram alistados e transportados para a Amazônia pelo Semta, com o objetivo de extrair borracha para os Estados Unidos da América (Acordos de Washington) na II Guerra Mundial.

Ele teve uma vida cheia de aventuras e sofrimentos, mas nunca perdeu a memória e o bom humor. Mesmo com 91 anos ainda se lembra de detalhes de sua vida como soldado da borracha. Não me canso de ouvir essas historias apesar de já ter ouvido muitas vezes.

No Amazonas quase morreu quando um índio disparou uma flecha em direção ao seu coração. Sem falar nas diversas vezes que sofreu malária e outras doenças.

Sou grata a Deus pela oportunidade de ouvi-lo contando suas histórias, algumas heroicas outras nem tanto. Todavia, todas elas fazem parte do legado que ele tem deixado pra nós, os seus filhos.

Meu pai aos 18 anos de idade.

Homenagem aos meus sogros que completaram 60 anos de casados nesta semana :-)

Ontem, dia 14 de maio, comemoramos o aniversário de casamento de meus sogros, Willi e Ilse Kern. Eles que ao longo desse tempo geraram 8 filhos, 12 netos e 7 bisnetos. Ao segundo filho deram o nome de Martin, e foi com ele que me casei em 2003.

Um casal que aprendi a amar desde a primeira vez que encontrei, quando fui visitá-los em 2001.

Os dois nasceram no ano de 1936, ele em janeiro e ela em fevereiro. Ambos são do estado de Bayern, que fica no sudeste da Alemanha.

O que me surpreende é que eles viveram esses 60 anos na mesma casa, no mesmo vilarejo, num lugar chamado Altenschoenbach. E o lugar mais distante pra onde viajaram foi a Alemanha Oriental.

Com minha sogra aprendi a gostar de sopa de batata com Zwetschgenkuchen (Bolo de ameixa), algo bem típico da região onde moram.

Alguns anos atrás eles colherem essas batatas em formato de coração. A foto foi postada no jornal local e agora compartilho aqui com vocês.

Oro pra que Deus abençoe eles com saúde e sabedoria; e que possam completar os seus dias com alegria e fé em Cristo Jesus!

… e a glória dos filhos são os pais.

(Provérbios 17:6b)

Publicado em Família

Esperança para os solitários

 Deus faz que o solitário viva em família; liberta aqueles que estão presos em grilhões; mas os rebeldes habitam em terra seca.  (Sl. 68:6)

Estar sozinho é uma condição muito triste; No entanto, no mundo de hoje, existem milhões e milhões de pessoas solitárias. Embora a população da Terra esteja aumentando rapidamente e mesmo que muitas pessoas morem nas grandes cidades, essas grandes cidades e essa nossa terra altamente povoada estão cheias de pessoas solitárias. Você vê, é possível ficar sozinho no meio de uma multidão. É possível ficar sozinho em uma cidade grande. Eu sei, porque conheci muitas pessoas assim.

     Agora, a solidão não é o plano de Deus para a vida do homem. Logo no início da história humana, Deus disse: “Não é bom que o homem esteja sozinho”. Então, para o primeiro homem, ele planejou uma companheira. Essa é a atitude de Deus. Ele quer nos tirar da nossa solidão. Ele quer nos colocar na família de Deus. Ele quer nos dar amigos humanos e companheirismo humano. Esse é o plano dele. Deus coloca os solitários nas famílias. Se somos prisioneiros, Ele nos leva adiante com louvor.

     Mas há um tipo de pessoa que Deus não pode ajudar com a solidão: os rebeldes! Os rebeldes vivem em uma terra seca e queimada pelo sol. Portanto, se você estiver sozinho, tenha em mente que Deus não pode ajudá-lo até que você renuncie à sua rebeldia, até que renuncie ao seu orgulho, à sua vontade e à sua independência e se volte para Deus por Sua misericórdia, e então Ele terá piedade de você e ele te colocará em Sua família.
 
AUTOR:  Derek Prince


Reflexões sobre a bondade de Deus (2)

A grandeza de Deus nos faz temer, mas Sua bondade nos anima a não ter medo dEle. Ser temente e não ter medo – eis o paradoxo da fé”. (Tozer)

Cresci ouvindo o meu pai contar histórias de sua vida. Algumas vezes me imaginava sendo parte das histórias e ficava quase sem fôlego em meio aos momentos de perigo, como o que aconteceu no dia em que ele foi atacado por índios no meio da floresta amazônica.

Com meu pai, o contador de histórias!

Hoje creio que foi a bondade de Deus que guardou a vida de meu pai, que naquela época tinha apenas 16 anos. Muitos outros na mesma situação acabaram morrendo com flechas envenenadas e certeiras!

Me considero uma mulher abençoado pelo fato de ter o meu pai ainda vivo até o presente momento. Deus é bom!!

Também creio que foi a bondade de Deus que guardou-me no ventre de minha mãe…na época ela tomava o medicamento “Talidomida” o qual causou o nascimento de muitas crianças com deformações em várias partes do mundo. Alguns anos mais tarde minha mãe ficou muito enferma ao ponto de pensarmos que ela iria morrer… eu era muito pequena mas o pouco que conhecia de Deus, foi o suficiente pra eu orar clamando a Ele que desse a ela mais anos de vida… e Ele na Sua infinita bondade ouviu minha oração!

Enfim, tudo isso me leva a concluir que nossa vida é fruto da bondade de Deus. Mesmo nas situações difíceis Ele continua sendo bom e misericordioso!

Obrigada, Eterno Deus, pela Tua infinita bondade!!

Concluo com uma declaração do salmista Davi sobre a  bondade de Deus:

“Provai, e vede que o Senhor é bom; bem-aventurado o homem que nele se refugia.”  (Salmo 34:8)

Minha mãe partiu

Depois de uma intensa luta pela vida entre pronto-socorro e hospitais, minha mãe partiu pra eternidade no início da semana.

Hoje (dia 26) é o dia do aniversário dela. Ela iria completar 73 anos.

Mineira natural de Araguari…

Sou grata a Deus por tudo o que aprendi com ela.

Deixo aqui uma foto que fiz dela na comemoração de aniversário que fizemos ano passado:

Pai e Primogenito

FATHER AND FIRSTBORN

By Tal Robin

It is the role of the older brother to demonstrate the will of the Father to the rest of the family. God desires to be with mankind as a father desires to be with his children. God was saddened because He lost His family at the expulsion of Adam and Eve from the Garden of Eden.

He worked throughout history to create for Himself a people or family, in the likeness of a firstborn son, whose roles would be to show other nations this desire of His. In this way Jesus came as the Firstborn of the sons of God. A Father’s desire is for His family to be united.

Jesus announced to humanity that God is our Father, and prayed in John 17 for unity among believers and between them and the Father. The Messianic remnant in Israel has a corresponding call to be a “firstborn” among nations; to help bring about the reunification of the family.

PAI E PRIMOGÊNITO

Por Tal Robin

É o papel do irmão mais velho demonstrar a vontade do Pai para o resto da família. Deus deseja estar com a humanidade assim como um pai deseja estar com seus filhos. Deus ficou triste porque ele perdeu sua família na expulsão de Adão e Eva do Jardim do Éden.

Ele trabalhou ao longo da história para criar para si um povo ou a família, à semelhança de um filho primogênito, cujos papéis seria mostrar outras nações esse Seu desejo. Desta forma, Jesus veio como o Primogênito dos filhos de Deus. Um desejo do Pai é que sua família esteja unida.

Jesus anunciou à humanidade que Deus é nosso Pai, e orou em João 17 para a unidade entre os crentes e entre eles e o Pai. O remanescente messiânico em Israel tem uma chamada correspondente de ser um “primogênito” entre as nações; para ajudar a trazer a reunificação da família.

Pater & Patria

Por Greta Mavro

No idioma grego existe uma profunda ligação entre as palavras   “Pai” e “Família.”

Efésios 3:14-15 – Eu me ponho de joelhos diante do Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, de quem toma o nome toda família, tanto no céu como sobre a terra.  

Pai (πατήρ/pater) é a raiz da palavra para família (πατριά/patria).

Patria não pode ficar sem sua raíz, pater. A família/pátria de Deus se origina, mantém unida e cresce à medida que está enraizada no Pai-Pater. A família e o Pai são inseparáveis.

Ephesians 4:6 – Um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos, age por meio de todos e está em todos.

Paulo se ajoelha diante do Pater de Yeshua (Jesus), que também é nosso Pater, e de quem toda pátria no céu e na terra toma o nome. Estamos ligados em filiação com Cristo. O Pai de nosso Senhor Jesus é o Deus e Pai de todos nós. Toda a raça humana tem uma origem comum.

Em Atos 17:26 Paulo proclama que Deus de “um sangue” fez todas as nações de homens.


Achei muito interessante este texto por isso traduzi aqui pra vocês.  Amo muito conhecer o significado das palavras e a conexão entre palavras em línguas diferentes.

Entretanto, creio ser importante acrescentar o que a Palavra de Deus nos ensina no evangelho de João 1 verso 12:

“Mas a todos quanto o receberam deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que creem no seu nome.”